Point EAD

Diversidade em Sala

Soluções diversificadas para os mais variados problemas

O processo da aprendizagem acontece de forma única para cada indivíduo, pois existem variados perfis intelectuais formados do emaranhado complexo dos diferentes tipos de inteligências. Diferenças individuais e os mais diversos contextos (culturais, de gênero, econômicos etc.) afligem os educadores comprometidos com a formação do indivíduo que está sendo preparado para ocupar um lugar de responsabilidade social. Essa é uma questão que se apresenta em todos os níveis e modalidades educacionais.

A rede Educador24hOnline oferece ferramentas tecnológicas que propiciam o desenvolvimento das habilidades necessárias à potencialização das ações educativas. Dessa forma, dificuldades, dúvidas e estratégias podem ser compartilhadas entre os educadores, possibilitando o surgimento de soluções diversificadas para os mais variados problemas.

Cientes da importância de valorizar o conhecimento especializado, a Point EAD cede a palavra aos especialistas nas mais diversas áreas da Educação, a fim de que nossa rede esteja sempre munida de conhecimento de ponta. Assim, com a Point EAD, educadores e organizações educacionais terão à disposição acervo de alto valor prático e acadêmico, a fim de que estejam sempre dinamizando suas potencialidades e seu fazer no processo ensino-aprendizagem.

Segue a seleção de autores disponibilizados pela.

As diferenças individuais e a sala de aula

Existe uma grande preocupação dos que atuam na educação, quanto ao elevado número de alunos que não conseguem acompanhar o desenvolvimento e rendimento da classe (como se ela pudesse ser homogênea) e que em consequência disto se desestimulam ou até mesmo desistem da escola… Ler mais na fonte: Brasil Escola – Por ILMA FARIAS DE SOUZA.

A diversidade em sala de aula e a relação professor-aluno

A relação professor-aluno é fundamental para o desenvolvimento integral das crianças. A partir da relação com os docentes, ela adquire conhecimentos para todo o curso de vida e tem suas capacidades psicossociais promovidas… Ler mais na fonte: SeiElo – Por Por Altemir José Gonçalves Barbosa, Renata Araújo Campos e Tássia Azevedo Valentim.

Educação Cognitiva: do que se trata?

Quando falamos em educação cognitiva muitos a entendem erroneamente como uma forma mecânica de ensino; onde os alunos aprendem por repetição sistemática, memorizando datas e conceitos. Assim, a impressão é de que os recursos de nosso cérebro são usados apenas para reter informações necessárias para determinadas situações sem, no entanto, ter a compreensão dessas informações, refletir a respeito, relacioná-las a outras já conhecidas e utilizá-las em contextos diferenciados… Ler mais na fonte: Portal Educação – Por CRISTIANE CARMINATI MARICATO